quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Vocês merecem que divida isto com vocês, as minhas fies e amadas leitoras!


Este é o motivo da minha falta de inspiração, tempo e dedicação ao blogue nestes últimos dias.
Nunca tive o privilegio de dizer estas palavras, mas cá vai ... EU ESTOU APAIXONADA!!!!!!! 


Cartas de amor geralmente não começam assim, com explicações e motivos. Mas não há outro modo para escrever algo que sinto sem tentar explicar ou dar motivos. Mesmo que amar isente qualquer tipo de explicações e não requer motivos para acontecer. Penso que o amor surge não ser de onde, cresce não sei porquê e machuca sem querer.
Tu talvez sejas a minha única esperança ... ou a ultima. Não porque eu não possa apaixonar-me novamente ... mas porque sempre que eu desejar uma pessoa ... essa pessoa serás tu! Que estará sempre nos meus sonhos.
Tu és diferente! A única pessoa responsável pelo que sinto. 
Eu entrego-me sem reservas a ti, se assim o quiseres. 
Posso dar o teu nome a uma estrela, ou dar-te essa estrela.
Posso tentar parar o vento, ou sentar-me ao teu lado na brisa da primavera.
Posso tentar parar o sol, ou fazer com que tenhas um dia perfeito.
Posso tentar e fazer tantas coisas para ti ... menos fazer com que gostes de mim tanto quanto gosto de ti.
Mas será que realmente é amor?
Bom, se amar é pensar em ti 24 horas por dia, ir trabalhar enquanto penso que te posso ver a qualquer instante, e fechar os olhos e imaginar o teu rosto, o teu sorriso, a tua voz, o teu cheio, o teu gosto.
Será que isso é amor? O som do sim é distante ... mas o som do não, eu não ouço mais, ou finjo que não ouço.
E se me quiseres como eu te quero ... eu prometo que ate os teus dias se findarem ... continuarei a sentir o que sinto hoje por ti.
E todos os dias olharei para o céu ... e agradecerei por ter-te encontrado ... e por teres sido muito mais do que esperava.
Vou agradecer pelo teu carinho ... Pelo teu sorriso ... Pela tua sinceridade e compreensão ... Por me abraçares e dizeres que me adoras ... 
Enfim, vou agradecer por existires na minha vida. 
E pensarei em ti ate ao ultimo segundo ... e por toda a eternidade ...
Porque agora tenho a certeza ...
Certeza de que TE AMO!
Feliz aniversário! Que seja o primeiro de muitos ao meu lado.



Fiz um ano de namoro e quando acordei fui surpreendida com um ramo de flores e um cartão que me fez chorar como uma Madalena arrependida ... Espero que compreendam a minha situação, estou nas nuvens, e sinceramente, não quero descer, NUNCA !!!!
Beijos meus amores, espero que tenham gostado deste bocadinho de mim que reparti com vocês <3

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Quarto Capitulo Extra | ciumes |

Depois do jantar Maria subiu para o quarto para brincar enquanto Vanessa ficou arrumar a cozinha, Zac ainda estava na academia e embora Vanessa não quisesse estava preocupada, Zac já la estava á horas e não tinha nada no estômago. Quando Vanessa estava a preparar-se para lhe levar o jantar a academia a campainha tocou, Vanessa abriu-a e ficou confusa com o que viu, o que ela queria aquelas horas?
Vanessa : algum problema? -perguntou educadamente-
XX : desculpe aparecer assim, sem ser convidada, mas estou com um problema em casa e pensei que o seu marido talvez pudesse ajudar-me. -disse entrando sem ser convidada-
Vanessa : o meu marido? -perguntou olhando a mulher de cima a baixo, que roupas eram aquelas?!-

XX : sim, os canos da minha cozinha rebentaram e como deve calcular não percebo nada de canalização. -disse a sorrir, "constrangida"-
Vanessa : talvez fosse melhor ligar para um canalizador. -disse sem gostar nada da ideia de ver Zac ajudar aquela ... aquela, mulher-
XX : foi a primeira coisa que fiz, mas como já passa das nove da noite eles dizem que só podem vir a minha casa amanha, como pode imaginar não posso ficar com os canos a verter agua a noite toda.
Vanessa : entendo, gostava muito de ajudar mas o meu marido agora esta ocupado e ... -Vanessa ficou enfurecida quando viu Zac aparecer á sala sem t-shirt, só faltava aquela mulher come-lo com os olhos, olhava-o de uma maneira...-
XX : ainda bem que apareceu, preciso da sua ajuda. -disse indo pra perto de Zac-
Zac : da minha ajuda? -perguntou sem entender-
XX : sim, os canos da minha cozinha rebentaram, pensei que pudesse ajudar-me, a esta hora nenhum canalizador vem ate minha casa. -disse "inocente"-
Zac : claro, deixe-me só ir vestir uma t-shirt, não demoro nada. -Zac subiu as escadas duas a duas e a tal mulher voltou-se para Vanessa a sorrir "docemente"-
XX : que disparate, nem me apresentei, Megan Fox. -disse estendendo a mão para Vanessa que a apertou com um sorriso falto-
Vanessa : Vanessa Efron. -disse secamente-
Megan : prometo não lhe roubar o marido durante muito tempo. -disse a sorrir-
Vanessa : claro. -disse furiosa.-
Poucos segundos depois Zac desceu as escadas com uma t-shirt branca e o cabelo um pouco mais bagunçado que o normal, saiu com Megan sobre o olhar atento de Vanessa. Caminharam ate á casa de Megan, depois da porta ter sido fechada Vanessa nada mais pôde ver, estava a dar em louca de tanta fúria que sentia.
Esperou, esperou e nada, Zac nunca mais voltava, já estava á mais de meia hora na casa de Megan, Vanessa pôs Maria a dormir e quando voltou pra sala Zac ainda não tinha voltado, não iria dormir sem ele voltar, tinham muito que falar. Passou mais uma hora e Zac finalmente voltou, a t-shirt branca estava molhada e o cabelo também, que cena era aquela?!
Vanessa : pelo que vejo a festa foi boa! -disse irónica- mais algum tempo e dormias por lá!
Zac : menos Vanessa, bem menos. -disse exausto- sem paciência para discutir, só quero um banho e cama.
Vanessa : só se for a cama do quarto de hospedes, ou então o sofá! -disse chateada- no meu quarto não dormes!
Zac : olha Vanessa, eu podia começar praqui a gritar contigo e a dizer que estavas a ser infantil, mas estou tão exausto que nem me vou dar ao trabalho de te responder, faz o que quiseres. -disse ao tirar a t-shirt- tem uma boa noite. -disse sem paciência-
Zac subiu as escadas e deixou Vanessa tão enervada que ela estava quase a ponto de gritar, subiu logo atrás de Zac, viu-o entrar no quarto de hospedes, Vanessa entrou atrás.
Zac : pensei que quando tinhas dito que não ia dormir no quarto era porque não querias estar comigo. -disse de costas para Vanessa-
Vanessa : foi o que disse, mas antes disso temos muito que falar. -disse chateada- que atitude infantil foi aquela com o Austin?
Zac : não vou discutir contigo por causa do Austin. -disse sem paciência-
Vanessa : só quero que me digas o porquê daquela atitude!
Zac : que atitude Vanessa? -proferiu um pouco mais alto-
Vanessa : que atitude? -disse também alto- foste mal educado, agiste como um perfeito idiota!
Zac : mal educado, idiota, que mais? -perguntou irónico- estou adorar ouvir-te!
Vanessa : pará com as ironias, a tua atitude foi infantil, que mal é que ele te fez?
Zac : o mesmo que a Megan te fez a ti! -disse saturado, respirou fundo e continuou- Vanessa eu não quero discutir contigo, sai. -disse apontando para a porta- amanha falamos melhor, se for hoje vamos acabar por dizer aquilo que não queremos um ao outro. -disse calmo-
Vanessa : não, nos vamos falar hoje! -disse decidida- hoje e agora!
Zac : tudo bem, depois não digas que não avisei. -disse sentando-se na cama- o que querias mesmo saber?
Vanessa : porque tratas-te mal o Austin? -proferiu calma, palavra por palavra-
Zac : primeiro ele não tinha nada de vir a minha casa, já trabalha comigo é anos e sabe que não gosto que os meus funcionários tomem esse tipo de liberdades. Segundo estava a fazer-se a ti, á minha frente e agia descontraidamente, não gosto desse tipo de pessoas, falsas. Terceiro e ultimo, na noite passada ficas-te chateada comigo, com razão admito, mas isso não te dá o direito de andares aos risinhos com os meus funcionários, eu confio em ti Vanessa, não no Austin. -disse sem levantar a voz, uma única vez-
Vanessa : o Austin não estava fazer nada disso, estas a ser paranóico, ele estava apenas a ser simpático, estava a fazer-me companhia, coisa que já não tenho a muito tempo neste casa. -disse amarga-
Zac : eu e a Maria dissemos para vires connosco ao parque, só não foste porque não quiseste.
Vanessa : ia para fazer o quê? -perguntou exaltada- para fingir que estava tudo bem quando não estava? eu não sou assim Zac!
Zac : ninguém te pediu para fingires nada, estas a ser infantil! E se o teu problema foi a minha cena em frente ao Austin fica descansada, eu nunca mais te envergonho em frente do teu novo amiguinho. -disse irónico- se era só isso que querias saber, já sabes.
Vanessa : porque é que demoraste tanto em casa da Megan?
Zac : os canos estavam rebentados, estive a muda-los. -disse enquanto tirava as calças-
Vanessa : tanto tempo? -perguntou desconfiada-
Zac : não sou propriamente um profissional em canalização.
Vanessa : não gostei dela. -disse ao fazer uma careta-
Zac : não gosto do Austin. -disse sem olhar Vanessa- quero tomar banho e dormir.
Vanessa : alguém te esta a prender? -perguntou azeda, Zac apenas abanou a cabeça e foi para o casa de banho- Errr, porra! -disse inervada-
Vanessa saiu do quarto e bateu a porta com força, Zac que estava na casa de banho com a agua a cair ainda ouvir a porta bater, apenas ignorou e continuou o banho.
Vanessa também tomou um banho, um banho demorado onde maior parte do tempo esteve com os olhos fechados a sentir a agua em contacto com o seu corpo,  aquele contacto acalmava-a.


Era de madrugada quando Vanessa acordou com a garganta seca, desceu as escadas sem se preocupar em vestir o robe, desceu apenas com uma camisola de seda vermelho sangue e curta. Ao entrar assustou-se ao ver Zac encostado á bancada com um copo de agua na mão.
Vanessa : assustaste-me. -disse com ao mãos no peito- não me digas que agora andas no escuro! -disse irónica, Zac nem se deu ao trabalho de responder-
Zac : boa noite. -disse saindo da cozinha, foi travado por Vanessa que lhe agarrou o braço- que foi?
Vanessa : desculpa. -disse quase num sussurro- fui um pouco, parva. -disse de cabeça baixa- não devia ter tido aquele comportamento em frente ao Austin.
Zac : tubo bem, eu também não tenho tido propriamente um comportamento exemplar. -disse baixo- prometo tentar não passar tanto tempo na empresa.
Vanessa : ambos estávamos errados. Vamos dormir?
Zac : pensei que tivesses vindo cá a baixo beber agua! -disse a rir-
Vanessa : eu vinha ver o que podia fazer para ganhar sono, não conseguia dormir.
Zac : isso chama-se consciência pesada, la no fundo sabias que estavas errada e por isso não conseguias dormir.
Vanessa : há mais alguma coisa que eu necessite saber senhor doutor? -perguntou irónica-
Zac : sim há, já esta tarde e por isso precisamos dormir, vamos! -Zac abraçou Vanessa por trás e subiram a escadaria ate ao quarto, desta vez juntos e para o mesmo quarto-


Megan ... Austin ... Sera que eles vão ficar por aqui nesta historia?! É isso que vocês vão ficar a saber ao longo dos capítulos!!
Comentem mais, por favor. So tive 4 comentários no outro capitulo, nao estão a gostar do rumo da historia? Se for isso digam que eu mudo as coisas.
Fiquem bem, ate ao próximo post :)
Manu <3

sábado, 14 de julho de 2012

Recadinho MUITO MUITO importante!!

People do meu coração, meus amores lindos e perfeitos por favor leiam com muita atenção este recadinho MUITO MUITO importante.
A Line, escritora de Broken Wings, Foi sempre você e Destinada esta muito muito triste connosco.
Num comunicado no seu blogue ela disse que iria deixar de escrever, ate ja excluiu dois dos seus blogues (Foi sempre você e Destinada), passem por favor pelo blogue dela, Broken Wings, e deixem uma pequena mensagem de consolo para ela não parar de postar. Afinal todas queremos continuar a ler as historias delas, certo MENINAS?!
Vá, façam isso!!! Beijos, fiquem bem. :)

quinta-feira, 21 de junho de 2012

Comunicado | espero que vos agrade |

Eu estive a pensar, pensei muito, mas mesmo muito e cheguei á conclusão que não consigo continuar a não postar neste blogue, eu sei que parece parvo mas eu realmente sinto mesmo falta de postar neste blogue, esta historia é super importante para mim e eu sem ela parece que me falta uma parte, não estou a ser dramática, eu juro.
Posto isto eu decidi voltar com o blogue, mas para isso vai haver condições, passo a cita-las ..
- Como sabem eu tenho mais dois blogues, "O Contrato" e "Infiltrada", "Infiltrada" também vai voltar. Para eu continuar com este blogue vou ter de dividir o meu tempo entre este blogue e "O Contrato", ou seja, postava num e passado algum tempo noutro, sempre assim;
- Tenho de ter comentários, escrever nos dois blogues vai ocupar muito do meu tempo e para isso eu preciso de uma prenda, essa prenda seria os vossos comentários sinceros e dizer se gostam ou não;

Apenas duas condições, que eu espero que vocês compreendam. Agora um Capitulo para vocês matarem as saudades, espero que gostem e espero a vossa resposta ...



Capitulo - Sem tempo para a família

Vanessa : outra vez? -perguntou Vanessa a Zac, já era a terceira noite seguida que ele não jantava em casa-

Zac : tem de ser, a data de entrega da nova colecção é já para a semana, não pudemos parar! -disse tentando desculpar-se, também não gostava de passar tanto tempo longe de casa-
Vanessa : não há ninguém que possa ficar ai por ti? -perguntou ao telefone, era domingo, um dia para a família- já tenho saudades tuas Zac, quando acordo já cá tu não estas e quando chegas a casa eu já estou a dormir! -disse chateada- assim não da, nem tempo para nos tens.
Zac : eu sei, mas depois prometo que vos compenso. -disse enquanto trabalhava no computador da empresa- hoje não tem como vir para cá alguém para me substituir, hoje é domingo Nessa.
Vanessa : por isso mesmo, o domingo é um dia para ser passado em família e tu nem o pequeno almoço tomaste connosco.
Zac : eu vou tentar chegar mais cedo, eu prometo.
Vanessa : a tempo de estares com a Maria? -perguntou já prevendo a resposta-
Zac : não, no máximo dos máximos chego a tempo de estar contigo, isto é se não adormeceres.
Vanessa : já não é mau de todo. -disse enquanto suspirava- já almoças-te?
Zac : comi uma sandes que tinha na maquina do bar, depois como alguma coisa melhor.
Vanessa : então esta bem, fico á tua espera.
Zac : beijos ate logo.
Vanessa : ate logo.
Vanessa desligou o telemóvel e foi pro lado de Maria que estava sentada no sofá a brincar com as suas bonecas ...
Maria : o pai ainda demora muito? -perguntou virando-se para Vanessa-
Vanessa : ainda filha, o pai tem muito trabalho e hoje não vai puder estar connosco. -disse alisando o cabelo loiro da filha-
Maria : o pai agora nunca pode. -disse triste-
Vanessa : o pai tem muito trabalho meu amor, ele não tem culpa. -disse pondo Maria no seu colo- eu tenho a certeza que ele queria muito estar aqui connosco, mas ele não pode!
Maria : eu sei mas eu já tenho saudades de estar com o pai. -disse encostando a cabeça no peito de Vanessa-
Vanessa : eu também meu amor, eu também.
O resto da tarde for calma, Vanessa e Maria passaram a tarde juntos, ou a ver televisão ou a brincar com os brinquedos de Maria, quando chegou a hora do jantar Vanessa pediu pizza, a comida preferida de Maria.
Quando bateram as 11 horas Vanessa decidiu ir para a cama, Maria já estava a dormir á bastante tempo e já estava mais que visto que Zac não iria chegar tão cedo. Triste subiu para o quarto e tomou um banho, vestiu o seu pijama e pôs-se dentro da cama, não demorou muito para adormecer, tinha uma camada de coisas na cabeça e o cansaço também ajudou.
Quando Zac chegou a casa viu tudo apagado e um silencio profundo denunciou que todos ja estavam a dormir, subiu para o quarto, mas antes de entrar no seu passou pelo de Maria, ela dormia que nem uma anjinha, agarrada ao seu peluche e com o dedo na boca, a típica imagem de uma criança a dormir. Beijou-lhe a bochecha e puxou os cobertores um pouco mais para cima.
Seguiu para o seu quarto, entrou sem fazer barulho e viu que Vanessa também estava adormecida, tirou a roupa e atirou-a para cima de um sofá que tinha perto da sua mesinha de cabeceira, tomou um banho rápido e meteu-se na cama, estava estafado, eram três da madrugada, trabalhou sem parar desde de manha, nem para fazer as refeições parou. Olhou para o seu lado direito e viu Vanessa dormir tranquilamente com um biquinho lindo nos lábios, tal mãe tal filha, não resistiu, começou a beijar o pescoço de Vanessa e ela logo acordou.
Zac : desculpa acordar-te. -disse baixo-
Vanessa : hum ... -disse virando costas a Zac- esta tarde é melhor dormires, amanha deves ter de acordar cedo. -disse seca-
Zac : Vanessa ...
Vanessa : boa noite Zac. -disse cortando-o-
Zac não teve o que fazer, era melhor falar com Vanessa depois, ela agora estava visivelmente chateada, e com razão.
Quando Zac acordou ja era tarde, perto das 11 da manha, viu-se sozinho na cama, levantou-se tomou um banho rápido e vestiu umas calças de moletom, desceu e viu Vanessa e Maria sentadas no sofá a ver desenhos animados.
Zac : bom dia! -disse chamando atenção das duas, assim que Maria viu Zac correu na sua direcção e abraçou-o apertado-
Maria : ja tinha saudades papa! -disse manhosa- vais ter de ir trabalhar hoje?
Zac : não, hoje tirei o dia só pra vocês! -disse a sorrir-
Maria : que fixe! -disse alegre- não é mãe?
Vanessa : hum-hum. -disse sem tirar os olhos da televisão e sem mostrar entusiasmo-
Zac : filha porque não vais brincar pro jardim? -perguntou pousando Maria no chão- eu vou ja la ter contigo.
Maria :  ta bem! -Maria foi pro jardim a correu e Zac sentou-se ao lado de Vanessa que logo pensou em levantar-se, mas Zac impediu segurando-lhe o braço-
Vanessa : que foi? -perguntou seria-
Zac : nos precisamos falar. -disse calmo-
Vanessa : precisamos? -perguntou irónica- eu pensei que tu apenas precisasses de trabalhar!
Zac : Vanessa eu não tenho a culpa ...
Vanessa : claro que não tens, cada um tem as suas prioridades e as tuas estão á vista. -disse interrompendo Zac de uma forma brusca- eu tenho de fazer o almoço, vai ter com a Maria, ela ja deve estar á tua espera. -sem dar a Zac chance de responder Vanessa saiu da sala e foi para a cozinha onde ficou fechada ate á hora do almoço, o mesmo foi estranho, apenas Maria falava, Zac e Vanessa limitavam-se a sorrir em resposta ao que a pequena dizia. Maria, coitada, era tão inocente que não percebia o que se passava, para ela estava tudo bem, tudo normal. No fim do almoço Maria arrastou Zac pra sala para verem o filme que Vanessa lhe tinha comprado, para não variar era de princesas, viram o filme ate ao fim, pelo menos Maria viu, Zac sentiu que ia adormecer 5 minutos depois do filme começar. Quando o filme acabou Zac levou Maria ate ao parque, perguntaram a Vanessa se ela queria ir, ela apenas se limitou a dizer que estava cansada. Passaram o resto da tarde no parque no meio de varias brincadeiras e gargalhadas, no fim tiveram direito a um grande gelado que deixou Maria toda lambuzada. Quando voltaram para casa eram quase 8 horas, Zac entrou em casa e teve a infeliz surpresa de encontrar um dos seus funcionários sentados no sofá da sua sala a falar com Vanessa, animadamente. Quando entraram nem Vanessa nem o seu funcionário repararam na presença de Zac e Maria, era normal, riam de uma maneira tão esterica que apenas uma buzina era capaz de chamar atenção dos dois.-
Zac : interrompemos alguma coisa? -perguntou alto chamando atenção dos dois-
XX : peço desculpa pela invasão senhor Efron, mas houve um problema na empresa e precisamos da sua ajuda. -disse ainda a rir, levantando-se do sofá-
Zac : porque não ligou? -perguntou irritado- não era necessário vir ate minha casa para falar da empresa.
Vanessa : Zac! -disse repreendendo-o- peço desculpa Austin, as vezes o Zac não mede as suas palavras.
Zac : não preciso que falem por mim Vanessa. -disse chateado- o que houve na empresa?
Austin : houve um problema na impressão, a revista saiu com as cores trocadas, nos precisamos da sua autorização para interromper a impressão e recomeça-la. -disse ainda ao lado de Vanessa-
Zac : tudo bem, faça-o, amanha quero o problema resolvido. -disse sem paciência- agora saia, não gosto de trazer trabalho para casa. -disse rude-
Vanessa : Zac! -disse repreendendo-o mais uma vez, ele estava a agir de uma maneira nada educada- peço mais uma vez desculpa Austin, não sei o que se passa com ele. -disse envergonhada- quer jantar connosco? -perguntou a sorrir- estou a fazer lasanha de carne.
Austin : adoraria mas tenho de voltar para a empresa, vou ter de recomeçar a impressão, fica para uma próxima. -disse a sorrir- peço desculpa pelo incomodo senhor Efron. -disser passando por Zac- foi um prazer conhece-la Vanessa, é uma mulher encantadora. -disse beijando o mão de Vanessa-
Vanessa : igualmente Austin. -disse a rir, havia gostado de Austin, era um homem simpático, pôs-la a gargalhar em apenas alguns segundos- ate algum dia.
Austin : ate. -Austin saiu e Vanessa fechou a porta ainda a rir, quando se voltou para Zac viu-o com Maria ao colo e a olha-la com os olhos enfurecidos- 
Vanessa : alguém problema? -perguntou seria-
Zac : não, porque haveria? -perguntou irónico- eu apenas cheguei a casa e deparei-me com a minha futura mulher a gargalhar com um homem que mal conhece. -disse chateado-
Vanessa : aih Zac, menos. -disse rolando os olhos- vai dar banho á Maria que eu tenho de acabar o jantar.
Zac : não contes comigo, faz apenas para ti e para a Maria. -disse subindo as escadas-
Vanessa : não vais jantar? -perguntou fazendo Zac parar numa das escadas-
Zac : perdi a fome e acho melhor não me sentar á mesa contigo, ainda digo aquilo que não quero. -disse brusco, acabou de subir as escadas e Vanessa voltou para a cozinha achando a atitude de Zac infantil e de uma má educação sem limites, quando o jantar ficou pronto Maria desceu e almoçou com Vanessa enquanto Zac estava na academia que tinha em casa e treinar, era o melhor que podia fazer para se distrair e não pensar em parvoíces-

CABOU! Espero que este capitulo vos tenha novamente aberto o apetite para a historia, ainda muito vai acontecer, quero relembrar que isto ainda á apenas um dos capítulos extras, o próximo capitulo depende de vocês!

Este Austin, o que acham? Quem esta com razão? Zac? Vanessa? Os dois? Nenhum deles?! Digam-me o que acham! BEIJOS :)

quarta-feira, 16 de maio de 2012

Divulgação ...


Passem pelo blogue Wild Sex, é super HIPER mega HOT, pelo menos é assim que as escritoras o descrevem, passem por la, elas não querem seguidores, apenas comentários, não á um blogue ZANESSA, mas o nosso Zac faz parte do enredo.
Pequeno Resumo ...
"Duas Portuguesas, Maria e Marta, embarcam na viajem das vidas delas ate aos Estados Unidos da América.
...
Poderia um jogo dos Lackers mudar a vida delas por completo?

É isso mesmo, espero que tenham ficado curiosos quanto á historia, este blogue tem duas escritoras, eu (Maria) e a minha amiga Marta, ela hoje não vai postar por motivos pessoais mas quero que saibam que os capítulos são escritos pelas duas, juntas. Como ja devem ter percebido o blogue vai ser super HIPER mega HOT!
Divulguem o Capitulo por favor."


Passem por la, por favor!
Link : http://fanficshot.blogspot.pt/

sábado, 21 de abril de 2012

Comunicado ...

Mais uma vez, o blogue "Tudo por Amor" vai mudar de endereço. Devido a uns problemas técnicos, o blogue vai voltar para o seu endereço oficial, eu estive a conversar com a Andreia e a partir de agora eu vou começar a postar na conta dela, apenas no blogue "Tudo por Amor", mas na conta dela. Deixo.vos o link, espero que aparecem e comecem a seguir o blogue, se não for pedir muito, divulguem. Beijos.
LINK : http://amorinesperadozanessa.blogspot.pt/

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Comunicado | espero que todos estejam de acordo |

Como todos ja perceberam eu voltei com a historia "o Contrato" e como também todos vocês ja devem ter percebido tenho andado um pouco desligada do meu outro blogue "A Prostituta e o Empresário". Pois bem eu decidi fazer o seguinte, como eu tenho andado muito ocupada não tenho tempo para postar em dois blogues e por isso mesmo vou acabar primeiro este blogue, ou seja, quando este blogue estiver no fim eu volto com "A Prostituta e o Empresário" com todo o gás. Devo dizer que vou terminar primeiro este blogue porque foi o meu primeiro blogue, foi com ele que tudo começou e vou acaba-lo primeiro, "A Prostitua e o Empresário" fica para daqui a algum tempo e em seguida quem sabe volto com "Infiltrada".
Espero que todos estejam de acordo e concordem contigo, quero sublinhar que eu vou acabar todos os meus blogues, nenhum deles vai ficar a meio, eu PROMETO!

Beijos Manu :)

domingo, 29 de janeiro de 2012

Segundo Capitulo Extra -Jantar em família-

Uma musica que eu adoro para vocês ouviram enquanto lêem os capítulos, espero que gostem. A partir de agora todos os capítulos vai ter uma musica que pode ser escolhida por vocês, quando comentam escrevem uma musica que vocês gostam que talvez ela passe a ser o tema de um dos capítulos! 






Depois de um dia de trabalho em cheio para Vanessa, que já estava a fazer ensaios para a sessão fotográfica, foi ter com o seu "noivo" ate á sua sala, conversas baixinhas e olhares confusos era isso que Vanessa sentia de cada vez que ia ate á sala de Zac, todos na empresa já sabiam que Zac se iria casar com ela, Vanessa preferia manter no anonimato mas agora era uma figura publica e sabia-se tudo sobre ela, ate Maria já aparecia em revistas no colo de Zac e tudo mais, por falar em Maria ela esta melhor do que nunca, trata Zac como se o conhecesse desde sempre, como se Zac fosse pai dela desde sempre e Zac trata-a como uma verdadeira filha, ama-a como tal e isso deixava Vanessa muito feliz. 
Com o tempo Vanessa foi começando a confiar em Monique e agora são super amigas, Vanessa, Ashley e Monique eram inseparáveis, iam juntos para todo o lado, shopping, cinema ... Como sempre antes de ir ter com Zac pôs a conversa em dia com Monique e logo entrou na sala do "noivo" ...
Vanessa : boa tarde! -disse com um sorriso nos lábios-
Zac : boa tarde! -disse a sorrir assim que viu Vanessa- muito trabalho?
Vanessa : felizmente! -disse alegre- então e tu, ainda demoras muito? -perguntou ao atirar-se por sofá que havia na sala de Zac-
Zac : uma meia hora mas logo logo fico pronto! Posso saber porquê? -perguntou ao sentar-se próximo de Vanessa que pôs a cabeça no colo de Zac enquanto ele lhe fazia festinhas no cabelo-
Vanessa : a tua mãe ligou a dizer que queria jantar connosco então eu convide-ia para jantar la em casa! -sim, Zac tinha comprado uma casa para viver apenas ele, Vanessa e Maria, era uma casa linda, com piscina, jardim, casa na árvore que com o tempo Zac e Maria conseguiram finalmente construir e ate parque para a Maria brincar sempre que quisesse, era uma casa linda mas ao mesmo tempo simples, tudo decorado ao gosto de Vanessa e Zac e claro com a ajuda de Ashley que se tinha tornada a melhor amiga do casal, ia ser a madrinha de casamento juntamente com Jared, um amigo bastante próximo de Zac que agora estava bastante próximo de Ashley ...-espero que não te importes por só te avisar agora. -disse ao levantar a cabeça das pernas de Zac para olha-lo de frente-
Zac : por mim não tem problema! -disse ao dar um pequeno beijo nos lábios de Vanessa. Vanessa lembrava-se como se fosse á poucos segundos atrás a primeira vez que ela e Zac se beijaram, foi um momento magico para ela, finalmente tinha sentido as famosas borboletas na barriga, foi numa noite em casa deles, a primeira noite, a primeira noite em que dormiram juntos, a primeira de muitas que por ai vinham, estavam sem sonho e Vanessa não se estava a sentir muito bem por ter de dividir a cama com Zac, não que ele estivesse a fazer algo que a perturbasse mas sim pelo facto de á já muito tempo não dividir nada com um homem. Passaram a noite aos beijos e nada mais, não foram beijos de tirar a respiração nem nada do tipo mas sim beijos lentos e gostosos que ambos ficaram a conhecer a boca um do outro, beijos doces e calmos, carinhosos e deliciosos- se quiseres ir indo para casa eu posso pedir ao Manuel para te levar! -disse ao dar mais um beijo em Vanessa, beijo prolongado pela própria-
Vanessa : talvez seja melhor, eu ainda tenho de preparar tudo e tenho de preparar a Maria que deve estar la em casa a fazer asneiras para variar um bocadinho! -disse a sorrir e com um tom irónico-
Zac : eu vou chama-lo! -disse ao levantar-se do sofá, pegou do telefone e logo Manuel apareceu e levou Vanessa a casa.-
Assim que Vanessa chegou viu Maria sentada no chão da sala a ver televisão e a lambuzar-se de bolo de brigadeiro ...
Vanessa : lindo serviço não é dona Maria! -disse fingindo estar chateada- eu a trabalhar e a donzela aqui a lambuzar-se de bolo de brigadeiro! -disse ao fazer biquinho-
Maria : ainda tem no frigorífico mas acho melhor ires já buscar, se o pai sabe que há não vai deixar pra mais ninguém! -disse a rir-se, Vanessa riu-se com Maria-
Vanessa : eu não quero, estava a brincar mas agora vais ter de largar o bolo e ir já tomar um bom banho, a avó Starla e o avó vêm aqui jantar e tu estas toda suja de chocolate, já pro banho que a Eduarda vai la ter contigo! -disse o mais seria possível-
Maria : tubo bem. -disse ao subir mas escadas mas logo se voltou de novo para a mãe- mas nada de comer o meu bolo! -disse ao apontar o dedo de Vanessa que levantou as mãos, depois disso Maria foi pro seu quarto onde tomou um banho com ajuda de Eduarda, a baba que Zac tinha contratado para ficar com ela quando nem ele nem Vanessa estavam, era uma senhora com os seus 55 anos muito simpática e que logo tinha ficado amiga de Maria-
Enquanto Maria tomava banho Vanessa pôs-se a fazer o jantar, Zac ainda disse para contratarem uma empregada mas Vanessa não queria, nunca precisou desse tipo de coisas e não era agora que ia ser diferente, quando já estava tudo mais ao menos encaminhado subiu pro seu quarto onde tomou um banho rápido e mudou de roupa, vestia umas calças pretas justas e que marcavam bem as suas belas pernas e em cima uma blusa de ceda branca e delicada, deixou o seu belo e longo cabelo negro a bater-lhe nas costas, calçou umas botas cano longo ate ao joelho pretas e para terminar um pouco do perfume que tinha recebido de prenda de Maria no dia da mãe, quando voltou para o primeiro andar da casa viu Zac estacionar o seu Mercedes ultimo modelo branco no mesmo lugar de sempre, viu as vizinhas olharem para ele assim que saiu do carro, não pode dizer que não a incomodou mas percebia-as bem, também se sentia atraída por Zac, cada vez mais e mais . A porta abriu-se e logo Vanessa viu Zac entrar com o blazer preto e a gravata nas mãos, estava com os primeiros botões da camisa abertos e as mangas puxadas ate aos cotovelos, tinha o cabelo desalinhado e a pasta na mão, largou-a no sofá e logo correu pro lado de Maria que estava sentada a ver desenhos animados, não perceberam a presença de Vanessa e logo começaram a fazer aquelas brincadeiras parvas que só eles sabiam fazer, só notaram a presença de Vanessa quando a ouviram gargalhar ...
Maria : não reparamos que estavas ai mama! -disse a sorrir-
Vanessa : eu percebi! -disse também a sorrir- a galhofa (brincadeira) estava boa não?!
Zac : sempre! -disse com Maria mas suas costas-
Vanessa : pois bem mas agora o senhor vai levantar o rabo desse sofá e vai tomar um banho que os teus pais devem estar já a chegar! -disse autoritária, mas claro a brincar- e pro natal vou dar-te um relógio, pra quem ia demorar meia hora já passaram quase duas! -disse o mais seria possível-
Zac : quando fores a morder avisa que eu fujo! -disse a rir-se-
Vanessa : então fogo que eu vou morder! -quando Vanessa deu um passo Zac já estava a correr escadas a cima a rir juntamente com Maria que se ria da figura dos dois, ate Vanessa se teve de rir, voltou as atenções pra mesa que á tempos atrás estava a pôr-
O jantar ficou pronto e Zac desceu as escadas já de banho tomado e com uma roupa mais social, porem não menos elegante, vestia umas calças bege e uma camisa branca com detalhes em dourado nos botões, sentou-se no sofá com Maria enquanto Vanessa terminava de pôr as entradas na mesa. Em poucos minutos os pais de Zac finalmente chegaram, estavam atrasados e isso era de estranhar, foi Zac a abrir a porta e a recebe-los com um sorriso na cara ...
Zac : pensamos que se tinham esquecido! -disse a sorrir-
Mãe de Zac (Starla) : nada disso, o teu pai é que se atrasou no trabalho, para não variar. -disse irónica-
Pai de Zac (George) : se a culpa não fosse minha é que sim iria ser para variar! -disse bem humorado-
Zac : entrem! -disse ao desviar-se da porta para os seus pais entrarem que logo cumprimentava Maria que continuava a ver bonecos animados mas que assim que viu os avós saltou para cima deles e encheu-os de beijos. logo em seguida chegou a vez de Vanessa cumprimentar os sogros que ela adorava e que a adoravam, sentaram-se á mesa e durante todo o jantar apenas houve um tema de conversa, o "casamento"-
Starla : tem de sair tudo perfeito! -disse animada-
Zac : eu tenho a certeza que vai sair com todos os cuidados que a mãe esta a ter não tem como não sair tudo perfeito! -disse irónico, porem animado-
Starla : alguém tem de ter os cuidados que tu não tens! -disse ao repreender o filho-
Vanessa : ate parece que algum homem vai ter paciência para cuidar de um casamento, esta para nascer esse santo. -disse a rir-se-
Starla : o pior é que tem razão, no fim quem cuida de tudo somos nos, eles esquivam-se de tudo, ate da prova do cardápio! -disse também a rir-se-
Zac : eu não fugi! -disse ao levantar as duas mãos para cima-
Vanessa : não fizeste mais que a tua obrigação! -disse seria-
George : filho não tentes, por mais que nos tentemos nada vai chegar para elas ficarem satisfeitas, as mulheres são como a bebida, quanto mais bebemos pior, no caso delas quantos mais damos mais elas querem! -disse a rir-se, Zac não teve como não acompanhar-
Zac : eu já tinha chegado a essa conclusão! -disse ainda a rir-se-
Vanessa : espero que também já tenhas chegado á conclusão que hoje dormes no sofá! -disse seria fazendo Zac olhar para ela com um olhar assustado-


Por hoje é tudo !!! Fica á vossa imaginação saber como foi a noite de Zac passada no sofá!!! beijos e desculpem a demora mas têm acontecido cenas muitos más na minha vida :(

domingo, 8 de janeiro de 2012

CONTRATO *-*

ENTREI AQUI SO PARA AVISAR QUE O MEU BLOGUE "CONTRATO" VAI DE NOVO VOLTAR! PASSEM POR LA QUE LOGO LOGO VAI TER NOVO CAPITULO E NOVO FUNDO! BEIJOS E FIQUEM COM DEUS! link : http://zanessainloveeeee.blogspot.com/

sábado, 7 de janeiro de 2012

Primeiro Capitulo Extra -A reacção da Maria. A surpresa de Ashley-

Eram 7 da tarde quando Vanessa e Zac saíram da empresa e juntos e como um "casal", já todos sabiam e embora fosse estranho para eles agir como casal tinham de fazê-lo o melhor possível para bem de ambos, entraram no carro de Zac e não foi possível deixar de reparar no ambiente estranho em que eles estavam ...
Zachary : eu não quero que te sintas mal por causa disto! Eu não vou pedir-te nada que não me possas dar, quero que te sintas á vontade a meu lado e não desconfortável e sem jeito! -disse Zac calmamente-
Vanessa : eu sei e sinto-me bem a teu lado, tu das-me confiança e segurança mas ainda assim não me peças para agir normalmente, pelo menos no começo não o faças, ainda á três dias atrás não tinha ninguém na minha vida e agora vou casar! É no mínimo estranho!
Zachary : eu sei que sim para mim também é estranho! Nunca conheci ninguém como tu!
Vanessa : como eu?
Zachary : sim, tu tens o dom de me confundir, ninguém me confunde como tu, eu pensava que tu eras uma pessoa calma e serena mas quando te vi a dar um estalo na cara da Lindsay a única coisa que eu pensei foi "quando me casar com ela não vou enerva-la nem deixar de fazer aquilo que ela manda porque senão ainda fico sem dentes!" -disse Zac a brincar, Vanessa não pôde deixar de rir-
Vanessa : ainda bem que percebeste a mensagem, adoro pessoa obedientes e odeio pessoas desobedientes!
Zachary : não há meio termo? -disse animado-
Vanessa : não! ou sim ou sopas meu amor! -disse com uma voz engraçada-
Zachary : como eu pensava, és bem mais complicada do que aquilo que eu pensava!
Vanessa : todas as mulheres são meu querido!
Zachary : e pelo que vi tu não és daquelas que vêm com livro de instruções!
Vanessa : tu ias lê-lo?
Zachary : mais depressa ficava sem dentes!
Vanessa : bem me parecia! -disse a pôr o cinto de segurança-
Zachary : onde queres que te leve agora?
Vanessa : eu acho melhor irmos falar com a Maria antes de falar-mos seja com quem for, ele tem o direito de saber primeiro do que muita gente!
Zachary : tens razão! Achas que ela vai reagir bem? -perguntou preocupado-
Vanessa : se fosses rapariga e não tivesses pai ficavas triste mas se de um momento para o outro ganhasses um e que achasses que ele fosse um príncipe que te veio salvar a ti e á tua mãe do sei la o quê como ficavas? E acrescenta o facto de ela te achar o princepe mais lindo do mundo! Como irias reagir?
Zachary : eu acho que bem!
Vanessa : ai tens a tua resposta! Zac a Maria adora-te passa o tempo todo a falar de ti, eu tenho a certeza que ela vai delirar coma noticia, o que me vai custar mais vai ser mentir-lhe ao dizer-lhe que já nos conhecíamos e tudo mais, espero que ela não fique chateada com isso! -disse receosa-
Zachary : se for tudo exactamente como tu dizes quando ela soube que vai ter pai nem se vai aperceber desse pormenor!
Vanessa : nunca vamos saber que não lhe contarmos!
Zachary : vamos la então! -Zac arrancou com o carro e durante todo o caminho eles discutiram a melhor maneira de abordar o assunto com Maria, não demoraram muito a chegar a casa de Vanessa visto que Zac era astuto com o transito, quando Vanessa abriu a porta de sua casa viu Ashley com Maria na sala a ver desenhos animados, assim que Maria cima Zac saltou para cima dele- também já tinha saudades tuas princesa!
Ashley : deve ser o Zac que a Maria tanto fala! Prazer, Ashley! -disse Ashley enquanto piscava o olho a Vanessa que não conseguiu deixar de rir-
Zachary : o prazer é meu, a Maria também fala muito de si, diz que é a tia melhor do mundo! -disse Zac a rir-
Ashley : faço o melhor que posso!
Vanessa : e fezes muito bem, obrigado por teres ficado com ele, mais uma vez! -disse ao abraçar a amiga-
Ashley : não tem problema eu e a Maria divertimos-nos muito! Ate brigadeiro comemos não foi?
Maria : foi, a titi Tizz (apelido de Ashley) levou-me ao parque que nos tivemos ontem mama! -disse animada-
Zachary : ainda bem que te divertiste princesa! Eu e a tua mãe precisamos falar contigo, muito asserio! -disse pondo Maria no chão-
Ashley : bom eu acho que esta é a parte em que eu me ponho a andar daqui pra fora! -disse sempre com a sua voz animada e contente, a Ashley ou Tizz, como Vanessa lhe chamava, era uma amiga em tanto, tinha sempre uma frase amigável para dizer sem falar que andava sempre com um sorrisão nos lábios-
Vanessa : não é necessário, ate acho melhor ficares assim ficas também a saber na novidade!
Ashley : se não incomodar! -disse ao olhar para Zac que brincava com Maria-
Zachary : por mim não tem problema, pode ser que ate nos possa ajudar! -disse simpático-
Vanessa : vamos sentar-nos! -juntos, os quatro foram para a sala e sentaram-se no sofá, Maria e Ashley de frente para Vanessa e Zac que estavam lado a lado, Vanessa estava uma pilha de nervos e Zac calmo ao seu lado, mas só por fora- bom antes de tudo preparem-se!
Maria : preparar para quê mama?
Ashley : estas a falar da sessão que fizeste hoje? Correu mal? Não ficaste com o lugar? As fotos ficaram horríveis? -perguntou preocupada-
Zachary : não, não foi nada disso, pelo contrario a sessão correu muito bem, a Vanessa ficou com o lugar e já tem varias sessões agendadas, uma delas para a nossa empresa, vai ser a nossa imagem de marca da próxima colecção que vamos lançar! -disse animado-
Maria : que bom mama! Vou poder dizer as minhas amigas todas que a minha mãe é modelo! Que fixe!!!! -disse a saltar no sofá-
Ashley : fico feliz por ti amiga, finalmente vais mudar a tua vida! -disse feliz pela amiga- mas se correu tudo bem porque é que estas ai a tremer que nem uma gelatina?!
Vanessa : bom o que eu tenho para dizer não é fácil de se dizer mas primeiro prometam-me que não vão ficar chateadas comigo!
Maria : chateadas? A mama fez alguma asneira? -perguntou com aquela voz fofa que só ela tinha-
Zachary : asneira não é bem a palavra certa princesa, digamos que a mama e eu te escondemos uma coisa e não queremos que tu fiques chateada connosco quando te contarmos!
Maria : o que é que vocês não me contaram? -perguntou com os olhinhos semi-serrados-
Vanessa : bom, filha eu e o Zac já nos conhecemos á mais tempo do que aquilo que tu pensas! -disse calmamente-
Zachary : e damos-nos melhor do que aquilo que tu pensas! -disse também calmamente-
Ashley : será que vocês podem ir logo ao ponto?! Agora ate eu estou curiosa!
Vanessa : o que nos estamos a tentar dizer é que eu e o Zac estamos juntos e que muito em breve vamos-nos casar! -disse de raspão, Maria e e Ashley ficarão sem reacção- Será que vocês podem ter alguma reacção?! Assim eu não sei aquilo que vocês estão achar disto tudo!
Ashley : vocês estão juntos? -perguntou perplexa, Zac e Vanessa acenaram que sim com a cabeça- e vão casar? -mais uma vez Zac e Vanessa apenas acenaram com a cabeça-
Maria : se vocês vão casar o Zac vai ser meu papa? -perguntou com os olhinhos cheios de lágrimas-
Zachary : se tu quiseres que eu seja teu pai, sim! -Maria não disse nada, apenas saiu do lugar onde estava e saltou pro colo de Zac onde o abraçou muito apertado- eu vou levar isso como um sim ao meu casamento com a tua mãe!
Maria : nao é  um sim! É um sim deste tamanho! -disse ao abrir os bracinhos o mais que conseguia fazendo todos na sala rir-
Ashley : desde de que tu estejas bem por mim nao tem problema amiga!
Vanessa : ainda bem que tu pensas assim, estava com medo da vossa reacção! -disse a sorrirEstava com medo que vocês ficassem chateadas por nao vos ter dito nada!
Zachary : eu que o diga! Nao paraste calada da empresa ate aqui, com medo do que podesse acontecer!
Vanessa : deves ter muito que falar deves! Estavas tão aflito quanto eu!
Ashley : discussões é nossa frente nao! -disse a rir-se- eu vou indo que ainda tenho muito para fazer antes de ir trabalhar!
Vanessa : mais uma vez obrigado por teres ficado com a Maria! -disse ao abraçar Ashley-
Ashley : nao tens de agradecer, eu adoro ficar com ela! -disse ao olhar Maria brincar com Zac- e  agora tens bom gosto amiga! Ele é um pedaço de maus caminhos! -disse com um olhar que fez Vanessa rir-
Vanessa : mal tu sabes a historia que esta por detrás deste pedaço de maus caminhos! -disse a rir- Depois marcamos alguma coisa e eu conto-te tudo, o teu queixo vai cair loira!
Ashley : estas assustar-me!
Vanessa : também nao é pra tanto! -disse ao abrir a porta- depois eu ligo!
Ashley : tudo bem vai pra beira da tua filha e do teu futuro marido lindo que eu vou trabalhar! -disse ao fazer cara de sofrida-
Vanessa : cada qual tem aquilo que merece! -disse a brincar- ate amanha!
Ashley : ate amanha! -Ashley foi embora e Vanessa foi pro lado de Maria e Zac que estavam a ver desenhos animados-
Vanessa : olha desenhos animados,  nao via ao tempo! -disse irónica, Maria passava o dia a ver desenhos animados-
Maria : deixa de ser chata mama! Estes são os meus preferidos! -disse sem tirar os olhos da televisão-
Vanessa : tu tens preferidos? -perguntou fingindo estar surpresa- tu passas o dia ver desenhos filha, tu ves tudo que dê na televisão desde que tenha cores e formas esquisitas! -disse a rir-
Zachary : eu gosto de desenhos! Quando era criança também passava o dia a ver desenhos principalmente aqueles que salvavam o mundo!
Vanessa : tu gostas agora, uma semana com esta menina e enjoas de desenhos! -disse ao mostrar a língua a Maria que fez o mesmo a Vanessa-
Maria : a mama fala fala mas quando da o super homem ela gosta de ver!
Zachary : o super homem já dava quando a tua mãe tinha a tua idade!
Vanessa : agora fizeste-me sentir velha!
Maria : mãe tu es velha e tu também Zac! -disse fazendo Vanessa e Zac rir- Zac eu posso chamar-te de pai? -perguntou com uma carinha super fofa-
Vanessa : filha que pergunta é essa? -perguntou sem jeito-
Maria : tu nao vais casar com o Zac?
Vanessa : vou mas ...
Maria : mas nada! se tu vais casar com o Zac ele vai ser meu pai! -disse animada- vais nao vais Zac?
Zachary : claro que vou e podes chamar-me pai é vontade! -disse ao pôr Maria no seu colo-
O resto do dia foi passado em "família", Zac, Maria e Vanessa. A mais nova família feliz de Hollywood, sim de Hollywood, já tinha passado na televisão a foto de Vanessa, a mais nova modelo da empresa Efron, mal os paparazzis sabiam que ela iria ser a mais nova Senhora Efron!


Bom espero que gostem do Primeiro Capitulo Extra, vou tentar ainda este fim de semana postar o próximo Capitulo Extra, fiquem atentas e comentem muito!!! BEIJOS e bom fim de semana. Manu :)

domingo, 1 de janeiro de 2012

FELIZ ANO NOVO *-*

Antes de mais peço desculpa pela demora em relação as postagens mas o tempo esta escasso!

BOM TENHAM UM FELIZ ANO 2012 CHEIO DE PAZ, AMOR, CARINHO, AMIZADE ... E QUE PRINCIPALMENTE COM NOTICIAS BOAS, COMO POR EXEMPLO ZANESSA ESTÃO JUNTOS NOVAMENTE! ... NUNCA SE SABE O QUE O ANO NOVO NOS RESERVA. FIQUEM COM DEUS!