quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Sexto Capitulo -mudar de vida-

Presentinho para as melhores leitoras do mundo!!!!! NOVO CAPITULO!!!! BEIJOS E COMENTEM SUAS MALUCAS QUE ROEM AS UNHAS AO LER OS MEUS CAPÍTULOS! Prepara-te Evelly, se tu ja roías as unhas a partir de agora vais come-las ainda antes de chegares aos fim dos capitulo ... kkkk ... BRINCADEIRA!!! BOM NATAL MEUS AMORES!




Olhou para o relógio e já eram 5 horas, saiu de casa e apanhou um táxi, em pouco tempo estava na empresa, respirou fundo e entrou, a partir de agora vida nova. Passou pela mulher que da ultima vez que la esteve fez cara feia quando a viu, chamava-se Amanda e voltou a fazer a mesma coisa assim que a voltou a ver só que desta vez pegou imediatamente do telemóvel e escreveu uma mensagem, Vanessa nem quis saber, nem seu deu ao trabalho de falar com ela, seguiu logo para o piso onde era a sala de Zachary, mais uma vez arrancou olhares de cobiça de todos os homens que por ela passaram, entrou no elevador e para infelicidade dela estava cheio ... De homens, estava a sentir-se desconfortável pois viu que todos olhavam para as suas percas e para o seu rabo, rezou para que o elevador chegasse logo ao seu destino ... Finalmente o elevador abriu-se e para felicidade de Vanessa Zachary estava a falar com Monique e assim que viu Vanessa sorriu, Vanessa saiu do elevador e foi ter com eles que a esperavam com um sorriso nos lábios, quando Vanessa chegou la deu um beijo na bochecha de Monique que retribuiu e um abraço em Zachary, sabia que iriam ter de fingir que estavam apaixonados mas ainda nao sabia se ele tinha ou nao falado com os pais ou com Lindsay, mais vale ter cuidado do que pôr tudo a perder ...
Zachary : então preparada para a sessão? -perguntou Zachary a sorrir enquanto levava Vanessa para a sua sala acompanhado por Monique-
Vanessa : sinceramente, nao! -disse Vanessa a rir-se- estou super nervosa, parece que tenho uma maquina na barriga que a faz andar as voltas sem parar!
Monique : isso é normal mas tem de ter calma, se quer que tudo corra bem tem de ir para a sessão calma e confiante, seja você própria que tudo vai correr bem! -disse Monique enquanto passava um pouco da sua confiança para Vanessa-
Zachary : a Monique tem razão, nao vale a pena ficares assim, vai correr tudo bem, vais ver!
Vanessa : espero que vocês estejam certos! -disse Vanessa sem certezas-
Monique : eu vou falar com o Pepe (fotografo da empresa) e quando estiver tudo pronto eu venho chamar-vos! -Monique saiu da sala e deixou Zachary e Vanessa sozinhos, Vanessa começou a andar de um lado para o outro-
Zachary : pára com isso! nao vale a pena ficares assim, vai correr tudo bem, eu tenho a certeza!
Vanessa : eu se fosse a ti nao tinha tanta certeza, eu nunca fiz isto na minha vida, tenho medo que alguma coisa corra mal e que eu estrague tudo!
Zachary : se pensares assim é mesmo capaz de alguma coisa correr mal, tens de ter pensamento positivo e pensar que tudo vai correr bem!
Vanessa : tudo bem! Ja falaste com os teus pais sobre aquilo? -perguntou Vanessa com a cabeça tombada para o lado-
Zachary : já, falei ontem com eles, quando cheguei a casa a Lindsay ainda la estava a fez um escândalo exagerado, eu nao queria ter contado tudo assim mas teve que ser, já nao conseguia ouvi-la mais a gritar aos meus ouvidos! -disse Zachary sentando-se na mesa virado para Vanessa-
Vanessa : eu percebo, por aquilo que me dizes ela nao é fácil de aturar! -disse Vanessa rir-se- como os teus pais reagiram?
Zachary : surpreendentemente bem, pelo menos o meu pai reagiu surpreendentemente bem. Eu sabia que a minha mãe me ia apoiar fosse qual fosse a minha decisão com o meu pai é que eu estava na duvida mas graças a Deus ele reagiu bem e nao é contra eu me casar contigo!
Vanessa : menos mal, pelo que me dizias pensava que o teu pai ia ser um problema!
Zachary : eu também mas felizmente nao foi, pelo primeira vez em anos ele pareceu-me que tinha voltado a ser o que era á anos atrás, voltou a preocupar-se com aquilo que eu queria e isso é óptimo!
Vanessa : talvez o teu pai precisasse ouvir algumas verdades e tu disseste-as ontem!
Zachary : é, eu acho que foi isso!
Vanessa : e sobre a Maria, falas-te? -perguntou Vanessa receosa da resposta-
Zachary : falei e ai sim eles ficaram em choque, pensaram que eu era o pai e que lhes tinha escondido uma filha!
Vanessa : que lhes disses-te sobre o pai dela?
Zachary : a verdade! -Vanessa arregalou os olhos- Disse que ele te tinha abandonado e que nao assumiu as responsabilidades dele! Disse também que ia assumir a Maria como filha e que a a partir daquele momento eles eram avós! -agora Vanessa ficou mais calma- Achavas mesmo que eu lhes ia contar a tua vida toda? Esse assunto ninguém precisa de saber! É passado e o passado fica do passado!
Vanessa : então quer dizer que eles nao levantaram problema nenhum por eu ter uma filha?
Zachary : nao, muito pelo contrario, a minha mãe ficou toda derretida e o meu pai bobo a olhar para uma foto dela! Eles vão adorar-te e por falar nisso eles querem que tu hoje vás jantar la a casa! -disse Zachary pegando nas mãos de Vanessa-
Vanessa : eu? Hoje?
Zachary : sim, afinal eu já estou contigo á dois anos e nunca falei de ti aos meus pais!
Vanessa : 2 anos? tu disses-te aos teus pais que estamos juntos á dois anos?
Zachary : se eu lhes disse-se que te conheço á três dias e que vou casar contigo eles achavam no mínimo estranho nao achas?!
Vanessa : é tens razão! mas e quanto á Maria, eu nao lhe posso dizer para que ela diga que te conhece á dois anos, ela é uma criança!
Zachary : quanto á Maria dizemos que nunca ma apresentaste porque tinhas medo que o nosso relacionamento nao desse em nada e nao querias que ela se apegasse a ninguém que depois tivesse de largar!
Vanessa : estou a ver que pensaste em tudo! -disse Vanessa a brincar-
Zachary : tem de ser, nao quero que nada dê pro torto!
Vanessa : eu também nao! -Zachary e Vanessa continuaram a falar sobre o "casamento" durante mais ao menos uma hora, Monique já tinha ido avisar que estava tudo pronto para a sessão mas Zachary disse que tinham tempo e que estava a falar de assuntos importantes com Vanessa, nao queria ser incomodado. Sem repararem Vanessa estava sentada no colo de Zachary e ele na sua cadeira, estavam a mexer no PC á procura de sítios para viajar, ainda nem tinham data marcada mas já estavam a pensar na lua-de-mel, estavam indecisos entre México e Paris, nem deram pelo tempo passar, estavam envolvidos naquele assunto, a conversa fluía tão bem que Zachary se esqueceu completamente dos compromissos que tinha marcado praquela tarde tiraram os olhos do PC quando ouviram a porta abrir-se e fechar com toda a força, Zachary quase teve um colapso quando viu quem era, Vanessa apenas ficou assustada pelo olhar mortal que lhe mandaram-
Monique : senhor Zachary eu avisei a Lindsay que o senhor nao queria ser incomodado mas ela fez de conta que nao ouviu e entrou na mesma! -agora Vanessa percebia o porquê do olhar daquela mulher extremamente bonita, Zac tinha-lhe dito que ela nao reagiu bem com o fim do "noivado" e concerteza que foi la para tirar satisfaçoes-
Zachary : nao tem problema Monique, faz me o favor de levar a Vanessa para a sessão que eu vou já la ter!
Vanessa : nao! Eu nao saio daqui, eu acho que eu preciso mesmo de falar com a Lindsay! Vai ser ate bom! -disse Vanessa para admiração de Zachary-
Lindsay : eu nao tenho nada para falar contigo coisa insignificante, eu vim aqui para falar como meu noivo! MEU! -Lindsay frisou bem a parte do MEU noivo-
Zachary : Lindsay nos já nao estamos noivos!
Lindsay : detalhe insignificante, vamos voltar a estar, muito em breve!
Monique : eu vou sair! -Monique saiu e ficou na sala apenas Zachary, Lindsay e Vanessa-
Vanessa : agora nos vamos conversar e muito asserio! -disse Vanessa seria-
Lindsay : eu já disse que nao tenho nada para falar contigo!
Vanessa : nao queres falar nao falas mas vais ouvir -Lindsay ia falar mas Vanessa nao deixou- e calada! Antes de tudo eu sei que nao deve ser fácil perder-se o noivo visto que eu perdi o meu namorado por tua causa mas tu sempre soubeste que o noivado nao era serio, que o Zac só se ia casar contigo por causa da empresa e agora que nao precisa fazê-lo largou-te, ele agora vai casar-se com a pessoa que gosta e vai ficar com a empresa! O que há de complicado em entender?
Lindsay : tu é que ainda nao entendeste que o Zachary nao se vai casar com ninguém a nao ser comigo! Eu sempre gostei dele, já o conheço á anos e agora que ia conseguiu aquilo que eu sempre quis aparece uma qualquer e tira-mo?! Tu achas mesmo que eu vou deixar as coisas ficarem assim? O Zachary é meu e nao és tu que mo vais tirar! Nem tu nem ninguém!
Zachary : Lindsay eu nunca fui teu, eu nunca concordei com este casamente, eu apenas aceitei porque pensei que a Vanessa nao se queria casar comigo mas agora que sei que quer eu nao me vou casar contigo e deixa-la sozinha!
Lindsay : Zachary tu precisas de uma mulher do teu nível ao teu lado, uma mulher que tenha os teus costumes e saiba aquilo que tu precisas! Tu achas que ela vai saber-se comportar quando estiver á frente dos teus amigos? Achas que ela vai saber qual o copo ou talher usar? Ela vai envergonhar-te! -disse Lindsay rebaixando Vanessa totalmente- Basta olhar para ela para saber que nunca na vida deve ter visto um garfo ou faca de peixe! -disse a rir-se- É este o tipo de mulher que queres a teu lado, uma mulher que vai fazer os outros rirem por pena? Fico abismada por saber que é isto que tu queres para a tua vida! -disse dirigindo-se ate á porta ainda aberta-Quando reparares que ela não é para ti sabes onde me encontrar, eu vou ficar á tua espera porque sei que assim que o primeiro obstáculo aparecer esse vosso namoro vai acabar e tu vais voltar para mim Zachary! Ate la fica bem e desejo-te boa sorte para não manchares o teu nome por causa dessa vadia que só quer o teu dinheiro! -depois de dizer tudo aquilo que pensava Lindsay saiu da sala de Zachary porem quando ia a entrar no elevador sentiu alguém puxa-la com força pelo braço fazendo todos que estavam naquele piso olhar para ela- ainda não chegou aquilo que ouviste? queres mais é? -disse Lindsay tentando soltar-se, porem foi em vão-
Monique : Vanessa tenha calma, não faça nada que depois não se venha arrepender! -disse Monique ao ver o estado em que Vanessa olhava para Lindsay-
Vanessa : eu vou arrepender-me é se não fizer aquilo que eu tenho vontade!
Lindsay : e o que é que tu tens vontade de fazer? -disse sarcástica- Tens vontade de chorar depois de ouvir tudo aquilo que eu disse? Pois bem, chora que eu não quero nem saber, eu só disse a verdade, TU NÃO PASSAS DE UMA VADIA QUE SÓ QUER BAR O GOLPE DO BAÚ AO ZACHARY! -disse Lindsay em altos berros, todos na empresa ficaram chocados com a cena que estavam a presenciar- eu só estou a dizer aquilo que todos desta empresa vão pensar assim que souberem que o Zachary se vai casar contigo porque acha que tu o amas, soubeste bem dar-lhe a volta mas a mim não ma das!
Vanessa : isto foi por me teres ofendido! -sem medos ou embaraços Vanessa larga Lindsay e da-lhe uma valente chapada que a faz virar a cara para o lado, Lindsay olhou chocada e com a cara vermelha para Vanessa- não olhes com essa cara para mim! Tu achavas mesmo que eu ia ouvir isso tudo e não ia fazer nada? Ao contrario de ti eu não tenho sangue de barata, sou uma pessoa e tenho os meus limites e tu ultrapassaste-os assim que me começas-te a ofender! Eu não tenho a culpa se tu não conseguiste dar conta do recado, (Vanessa estava a referir-se a Zachary) eu não tenho a culpa que ele não goste de ti e muito menos tenho a culpa que ele não queira casar contigo! -Zachary olhava a cena atentamente, nunca imaginou ver uma cena daquelas na sua empresa- Que seja a ultima vez que me ofendas! Eu não tenho paciência para as tuas cenas de criança mimada que nunca ouviu um não uma vez na vida! Sou mais velha que tu e acho bom que me respeites, para a próxima eu não vou deixar as coisas apenas por aquilo, para a próxima, que para teu bem eu espero que não haja, eu arranco esses teus apliques baratos a que tu chamas de cabelo e tiro também esses cílios dos teus olhos com as minhas próprias unhas! Estamos conversados, sai da minha frente antes que eu te arrebente toda! -quando Lindsay estava a ir embora ouvir-se uma voz forte naquele piso-
XXX : ninguém vai embora daqui antes de me explicarem que cena foi esta que eu acabei de presenciar na minha empresa! Quem é a menina? -disse o homem apontando para Vanessa-
Lindsay : não sabe senhor Efron? -disse Lindsay a chorar, lágrimas falsas, fingidas- esta é a mulher que o seu filho quer colocar na vossa família, é com esta violenta e perigosa mulher que o seu filho quer casar! O senhor não pode permitir que uma pessoa deste calibre entre na sua família! Viu o que ela fez comigo? -disse falsamente ao lado do pai de Zachary que olhava par Vanessa com um olhar que ela não conseguia perceber o que queria dizer-
Zachary : nada que tu não merecesses Lindsay! -disse metendo-se no meio da conversa- ninguém te mandou ofende-la, como ela mesma te disse, ela não tem sangue de barata e tu só colheste aquilo que semeaste! Não venhas com essa cara de santa que tu é que chegaste logo a ofende-la!
Pai de Zachary : isto é verdade menina? -disse o pai de Zachary calmamente a Vanessa-
Vanessa : é, eu não sou de agredir ninguém, e peço imensas desculpas por ter feito o que fiz na sua empresa mas quando me ofendem eu não me consigo controlar, não admito que ninguém o faça principalmente uma filhinha do papa que não sabe o que é a vida! -disse, o pai de Zachary apenas sorriu-
Pai de Zachary : tubo bem, para a próxima que queria bater em alguém, se esse alguém a ofendeu, pode fazê-lo mas não o faça na minha empresa pois como viu este momento fez com que todo este piso parasse, para a próxima faça-o num lugar mais reservado! -Vanessa nada disse, apenas se riu e acenou com a cabeça, enquanto Lindsay fumegava de raiva- e só um conselho, para a próxima não dê apenas um estalo, vá directamente para os puxões de cabelos que é bem mais interessante! -todos tiveram que rir com aquele comentário, depois disto todos voltaram ao trabalho, e Lindsay claro, fui embora cheia de raiva dentro de si, o pai de Zachary voltou para a sua sala e Zachary acompanhou Vanessa ate á sala onde iria ser a sessão de fotos-
Vanessa : desculpa pela cena mas eu não me aguentei, tive de ir para cima dela, foi mais forte do que eu!
Zachary : não tem problema, ele mereceu e como visto ate o meu pai achou piada! Vai arranjar-te para as fotos que eu vou falar com o Pepe!
Vanessa  tubo bem!
Vanessa foi arranjar-se para as fotos juntamente com uma funcionaria que trabalhava na empresa, arranjaram-lho o cabelo, maquilharam-na, vestiram-na e tudo mais ... Todos foram com a cara de Vanessa, acharam-na simpática, simples e acima de tudo verdadeira, perguntavam-se como uma mulher linda como Vanessa conseguia ser tão insegura. A sessão correu simplesmente maravilhosamente bem, Pepe adorou Vanessa e Vanessa adorou Pepe, ficaram logo amigos e claro Pepe não conseguiu deixar de mandar uma boca simpática por Vanessa ter conseguido tirar o patrozão gostosão da horrível Lindsay, (malta o Pepe era gay) óbvio que Vanessa conseguiu um lugar na empresa juntamente com uma sessão para fazer, desta vez asserio, Vanessa iria ser a nova cara na marca da empresa, todos concordaram, inclusive Zachary e o pai de adoraram as fotos, era exactamente aquela imagem que queriam passar, uma mulher elegante mas natural, linda mas sem exageros, maravilhosa mas uma mulher como todas as outras, Vanessa era ideal para aquele lugar. Vanessa não sabia encaixar a tanta felicidade que sentiu ao ouvir que iria ser modelo e ainda mais a cara de uma marca, ficou radiante e apenas conseguiu abraçar Zachary. A partir daquele dia tudo na vida de Vanessa mudou.
Ja se tinham passados dois anos, Vanessa encontrava-se com 32 anos e Zachary também, Maria ja tinha os seis e estava no primeiro ano de escola, Vanessa tinha-se casado com Zachary, foi um casamento lindo, com tudo aquilo que ela nunca pensou um dia ter, limusina, vestido branco com uma cauda gigante, bolo com 3 andares, marcha nupcial, lua de mel ... oh sim, a lua de mel foi em Paris, na bela cidade de Paris, Vanessa ainda se lembrava como se fosse ontem de todos os bons momentos que passou com Zachary em Paris, foi la que tiveram a primeira noite como casal, a primeira de muitas, porem a mais especial, foi la que eles conheceram cada centímetro um do outro, cada detalhe ...
Flash Back ...
Ambos entraram no quarto onde iriam passar pela primeira vez a noite juntos, como casados, estava só a luz de velas e uma música romântica de fundo. Vanessa sorriu, Zachary tinha preparado tudo! O seu estômago gritava por dentro, ela deu um suspiro alto. Zachary pegou na sua mão levando-a pro quarto, Vanessa viu que a cama tinha pétalas de rosas, o lençol era branco e de seda e o quarto com um aroma delicioso, seria perfume? Vanessa sentou-se na cama a sorrir para Zachary, ele vai lentamente até a ela, se ajoelha e tira as sandálias de Vanessa bem devagar. Ela não conseguia parar de sorrir, o seu coração parecia que ia explodir. Zachary levanta-se sentando-se ao lado de Vanessa pegando uma das mexas soltas e a colocando atrás da orelha. Lá sua mão ficou, na nuca dela, Vanessa se aproxima bem devagar, os lábios de Zachary entreabertos, deixando o ar úmido e com cheiro de hortelã escapar, fazendo Vanessa se aproximar mais. Zachary coloca suas mãos na cintura de Vanessa e finalmente a beija, um beijo de necessidade, calmo no começo e mais rápido depois. Vanessa entrelaça os dedos nos cabelos de Zachary, o puxando mais contra ela, o desejo veio e ficou. Sem se separar de Zachary, Vanessa se senta de frente a ele, sentando no seu colo, e enroscando as pernas em volta dele. Zachary começa a apertar sua cintura, cada vez com mais força, fazendo Vanessa dar leves suspiros. Ela tira o blazer de Zachary, jogando-a no chão, depois Vanessa coloca suas mãos nos peitorais de Zachary os apertando com força. Zachary coloca suas mãos por dentro do vestido de Vanessa, acariciando suas pernas e dando leves apertões, depois ele sobe mais a mão e passa pelas costas de Vanessa as arranhando. Vanessa se separa dos lábios de Zachary por um instante e tirando sua camisa, deixando o tórax de Zachary á mostra. Ela começa a beijar o pescoço de Zachary, passando para a clavícula e descendo até seus peitorais. Zachary que ainda estava com a mão por dentro do vestido de Vanessa, pousa sua mão na bunda dela dando um apertão, fazendo Vanessa soltar um suspiro mais alto. Delicadamente, ele tira o vestido de Vanessa, deixando ela apenas de sutiã e calcinha, essa era a vez dele beijar o pescoço de Vanessa, Zachary intercalava entre mordidas e beijos. Vanessa beijava Zachary com vontade, ela não estava mais com medo, nem nervosa, então ela desce suas mãos até o botão de calça de Zachary desabotoando rapidamente. Zachary desceu seus lábios para a clavícula de Vanessa, desabotoando seu sutiã e o jogando de lado. Vanessa volta seus lábios para os de Zachary, ela o empurra para a cama e o beija com mais vontade. Depois Vanessa puxa as calças de Zachary e começa a beijar sua barriga. Zachary gostava daquelas carícias soltando suspiros também, então ele inverteu a posição deixando Vanessa por baixo e ficando entre suas pernas. Zachary passava seus lábios pelos seios de Vanessa até chegar a sua barriga, então ele tirou a calcinha dela, dando um beijo de cintura de Vanessa e voltando para os lábios dela. Vanessa passava suas mãos pelas costas de Zachary o arranhando de leve e soltando altos gemidos quando Zachary beijava seus seios. Zachary se levantou e tirou sua cueca, ele se encaixou no meio de tuas pernas novamente e começou a penetrar bem devagar, Vanessa colocou as mãos em suas costas por baixo da camiseta e o arranhou bem de leve, gemendo alto. A noite não acabou por ali. Zachary sentia-se feliz por poder sentir o perfume de Vanessa, estava feliz por tê-la nos seus braços, os dois adormecem sorridentes, aquela noite, fora a melhor de suas vidas.
Fim de Flash Back ...
Lembrava-se daquela noite como se fosse hoje, a melhor noite da sua vida, a noite onde percebeu que se encontrava perdidamente, perigosamente apaixonada pelo seu marido, antes de se casarem ja se tinham beijado e tudo mais mas aquela noite foi especial, foi como uma confirmação para todas as suas incertezas, para todos os seus medos. 
No mesmo dia em que soube que a sua carreira de modelo iria começar Vanessa conheceu os pais de Zachary formalmente, amou-os logo de vista e eles a Vanessa, Maria estava num contentamento sem tamanho, para quem á dias trás nem sequer pai agora tinha ganho uma família e ate avós tinha, avós que amavam e a mimavam ate demais. Vanessa sentia-se realizada e feliz ao lado do homem que amava e a fazia feliz, a ela e a sua filha que tratava Zachary como se ele fosse realmente seu pai, coisa que ele era, visto que era ele quem lhe dava amor, carinho, que a ajudava nos trabalhos da escola, que a livrava que vários sermões que Vanessa dava, que a tirava dos castigos, que a ensinou a andar de bicicleta mas que quando também era preciso lhe dava varias lições de moral, Maria amava Zachary como pai e Zachary amava Maria como filha, eram uma típica família de Los Angeles, uma família feliz que vivia em clima de paz e harmonia, porem havia quem estivesse a pensar numa maneira dessa felicidade acabar ...e o mais rápido possível ...



Espero que tenham gostado deste capitulo e que tenham percebido o rumo da historia, a partir de agora as coisas vão ser bem mais dramáticas, finalmente eles vai assumir amor um pelo outro (quando não sei mas sei que vão), vai haver separações, choros, alegrias, risos, sofrimentos ... Preparem-se para o novo ano e também para uma nova fase de "A Prostituta e o Empresário" ...
Fiquem bem, comentem e feliz NATAL e ANO NOVO! Beijos Manu :) 






6 comentários:

Evelly disse...

AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA
melhor cap! melhor cap! amei amei amei
Manu dessa vez eu comi a unha todinha kkk (brinks)
nossa não fazia idéia que ia ter essa passagem de tempo
pirei aqui kkkkkkk ownt que fofo a primeira vez deles
ficou cute! eita que a macaca não desiste né? omg
espero que ela não apronte;
amei posta logo bjs
Happy christmas and happy new year!!!!

Edyh_2011 disse...

AMEIII o cap
Sabia q eles iam se apaixonar.
Posta logo
Kiss

thaina266 disse...

aiai , ameiii
tá lindooo!
beijos

♥Laís♥ disse...

Espero que não demore para ele ver o que ele sente realmente pela Vanessa.
Depois de tanta luta, de tanto sofrimento , acho que ela merece ser amada realmente por um homem bom como é o Zac.
Cap muito bom.
Posta logo
xX ;*

. Taty' disse...

Aiii que lindoo
Essa historia me vicia!!
E agora quem vai fazer o favor de estragar tudo
CURIOSA!!!
E valeu por te trocado o designer
Posta logooo

• Paula disse...

Nossa!
TÔ amando a fic!
Tá incrível!
Posta logo
Bjos amorê